Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
25/03/20 às 17h44 - Atualizado em 26/03/20 às 18h18

Semob amplia prazo para receber estudos da concessão da Rodoviária

COMPARTILHAR

Empresas autorizadas podem entregar os documentos até o dia 6 de abril

 

As seis empresas autorizadas a elaborar a proposta de viabilidade técnica para a concessão da gestão do complexo da Rodoviária do Plano Piloto poderão apresentar os estudos até o dia 6 de abril.

 

O prazo final, que seria nesta quinta-feira (26), está prorrogado por conta do Plano de Contingência Distrital do GDF, que determinou medidas para prevenir e combater o novo coronavírus (Covid-19). O Aviso de Prorrogação do Prazo está publicado na edição desta quarta-feira (25) do DODF.

 

A autorização das seis empresas foi oficializada no dia 27 de novembro de 2019. Elas devem apresentar proposta completa, que contemple desde projetos de operação, recuperação, manutenção e modernização do terminal, além de plano jurídico e econômico-financeiro para quem assumir o controle do espaço.

 

Os projetos apresentados serão avaliados e selecionados por uma comissão técnica da Secretaria de Transporte e Mobilidade (Semob).

 

Os estudos serão desenvolvidos a custo zero para o GDF. A empresa vencedora da futura licitação é que deverá ressarcir a autora do projeto que vier a ser escolhido pela Semob.

 

Fases

 

Após ajustes, o estudo selecionado será apresentado em audiência pública para futuros usuários, potenciais licitantes e demais interessados. Depois da audiência, o estudo será submetido ao Tribunal de Contas do DF (TCDF) para, em seguida, ser divulgado o edital de licitação.